quinta-feira, 12 de março de 2020

Idosos: Brasil terá aumento 'extraordinário' de casos de coronavírus nas próximas 2 ou 4 semanas



Segundo Gabbardo, secretário-executivo do Ministério da Saúde, essa alta repentina foi observada em outros países onde o vírus chegou anteriormente
O secretário-executivo do Ministério da Saúde, João Gabbardo dos Reis, voltou a dizer que o Brasil ainda enfrentará um aumento súbito de pessoas infectadas pelo novo coronavírus (covid-19). Segundo ele, essa alta repentina foi observada em outros países onde o vírus chegou anteriormente.  

“Sabemos que, nos próximo dias, na próximas semanas, que o Brasil tenha um comportamento idêntico a qualquer um desses países. Ou seja, de uma hora para hora, daqui a duas ou quatro semanas, nós vamos passar por um gráfico com esse, com um número extraordinário de pessoas doentes, com sintomas”, disse o secretário, apontando para imagem da apresentação feita nesta quarta-feira em audiência pública na Comissão de Transparência e Defesa do Consumidor do Senado

Gabbardo afirmou que a alta do número de infectados por coronavírus ocorrerá quando iniciar a transmissão local.  

Nesta quarta-feira, por volta das 15h30, havia 37 casos confirmados da doença no país.  

“Esse número não vai se manter, porque é o número dos turistas, dos viajantes, das pessoas que foram para Europa, para a China fazer negócios e voltaram. Isso vai começar a se alterar quando tivemos transmissão interna do vírus”, alertou.

Fonte: Valor Investe (11/03/2020)

Nenhum comentário:

Postar um comentário

"Este blog não se responsabiliza pelas opiniões emitidas neste espaço pelos leitores, mesmo anônimos, e DESTACAMOS que os IPs de origem dos possíveis comentários OFENSIVOS ficam disponíveis nos servidores do Google/ Blogger para eventuais demandas judiciais ou policiais".